Mictório Unissex

A guerra do stereo e do mono quando o assunto é Beatles

Posted in Música, Texto by Igor on 23/09/2009

Certa vez o produtor George Martin, também conhecido como o “quinto beatle” disse em uma entrevista: “se você nunca ouviu Sgt. Pepper’s em mono, então você nunca ouviu Sgt. Pepper’s.” Desculpa, George, mas eu não concordo com você.

Dia 12 de setembro de 2009, estou eu ouvindo meu box remasterizado dos Beatles em stereo quando vejo um post do Gizmodo falando sobre as vantagens de se comprar a versão mono, quando se trata de Beatles. Veja um trecho do texto (em inglês):

[…] a few months ago I read in The Word—a very good British music magazine—that the Beatles in mono are—like George Martin implied—better than the Beatles in stereo. Apparently, the Beatles didn’t give a damn about the stereo mix, only about the mono. In fact, they cared so little that they passed on the stereo mixing sessions: Once the mono was done, they left the building.

Você pode conferir o texto completo (em inglês, com muito mais sentido e sentimentos) aqui e, em português, aqui.

Ok, depois de ler o post fiquei encabulado, procurei um pouco e demorei pra achar as versões originais do mono, mas achei, depois de muita luta e persistência. Não posso negar que existem diferenças; por mais que elas sejam pequenas e, muitas vezes conseguem estragar certa parte da música. Galera, desde quando é bom ouvir chiados maiores em certas faixas e gritos avulsos em outras? Não gostei.

Sempre que ouví Beatles me magnifiquei com a qualidade de áudio, mesmo sendo ripagens de CDs dos anos 80. As tracks eram muito bem mixadas, ou, melhor “entendível”, os instrumentos em lados diferentes do fone – ou caixa – (direito e esquerdo) eram muito mais instigantes do que uma simples mixagem “central”. Mesmo antes da remasterização.

Quando ouví o primeiro disco do White Album (The Beatles) remasterizado em stereo, fiquei pasmo com a qualidade dessa mixagem. Se você tiver um sistema grande de som, vai perceber quão grande foi a mudança. Em mono, essa mudança é bem (inclua vários “e” no “bem”) menos perceptível. Acho que como bom ouvinte dos anos 2000, tenho o direito e, talvez, o dever de dizer que, se você quer gastar dinheiro com algum box remasterizado, gaste com o stereo.

Desculpa, George, mas me dou o direito de dizer aos fãs que se alguém nunca ouviu a versão remasterizada em stereo do White Album em um quarto escuro e fechado, com a opção de “incredible sound” ligada, esse alguém nunca ouviu o White Album.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: